Curiosidades sobre plantas medicinais

Atualizado: 12 de Out de 2020

As plantas medicinais são aquelas que possuem substâncias químicas que são chamadas de princípios ativos, e podem nos trazer algum benefício terapêutico.


Folha, plantas medicinais
Plantas medicinais

Os princípios ativos podem estar concentrados numa parte das plantas, ou seja, podem estar nas flores, folhas, raízes, casca, etc.


O uso mais comum das plantas medicinais é através da Fitoterapia, palavra composta por Phitos, que do grego quer dizer plantas, e terapia que, no dicionário médico, é a parte da medicina que pesquisa e põe em pratica meios para curar doenças ou atenuar dores.


Para o uso de plantas medicinais, é importante também estar atento a vários fatores: procedência, formas de uso, dosagem, armazenamento, extração dos princípios ativos e principalmente indicações e contraindicações. As plantas medicinais também podem potencializar ou reduzir os efeitos de remédios alopáticos.


Outro cuidado de extrema importância é comprar plantas com a identificação que deve, obrigatoriamente, ser através do nome científico. Somente assim temos garantido os efeitos estudados, evitando maiores riscos.

É importante ressaltar que nem tudo que é natural faz bem, pois existem muitas plantas que matam, dependendo da dosagem ou da planta escolhida.

Pessoas com crianças pequenas, por exemplo, devem evitar ter em casa a planta Comigo Ninguém Pode, que pode causar intoxicação e até levar a morte, especialmente para crianças abaixo dos 6 anos de idade que levam tudo à boca.


Muitos remédios alopáticos são desenvolvidos com base na reprodução de uma substância isolada: AAS – Ácido Acetil Salicílico, que tem como base o chorão, salgueiro ou Salix Alba, mas, algumas pessoas que possuem reação alérgica ao AAS, não apresentam a mesma reação ao chá do caule da planta.


Outros produtos industrializados são desenvolvidos com o uso de plantas medicinais, como o caso da pomada Acheflan, que usa a erva-baleeira (Cordia verbenacea), e é utilizada para dores musculares que foi desenvolvida através de um estudo realizado pela Unicamp.


Como você pode ver, o uso de plantas deve ter cuidados e precauções e principalmente, conhecimento. Por isso, sempre consulte um especialista e use com moderação as plantas medicinais.



Posts recentes

Ver tudo