No século XIX os Chineses colonizaram Madagascar e levaram para esta ilha algumas espécies botânicas típicas da China. O ylang ylang e a cânfora foram duas das espécies asiáticas introduzidas neste país. Quando a canforeira começou a ser destilada em Madagascar, devido provavelmente às condições climáticas distintas da Ásia, ela deu origem a um óleo com menor teor de cânfora e maior de cineol. A presença de outros componentes, tornaram a ravintsara mais complexa e de ação antisséptica superior à sua parente asiática, a cânfora branca, assim como ao próprio óleo de eucalipto. 

É um bom expectorante, possui usos parecidos com os óleos de niaouli, cajeput e eucalipto glóbulus. 

É importante não confundir o óleo de ravintsara com o óleo de ravensara. Enquanto a ravintsara possui o nome botânico Cinnamomum camphora, o nome botânico da ravensara é Agathophyllum aromatica. O óleo de ravensara aromática é um potente antiviral e antibiótico natural, superior ao óleo de ravintsara. 

Perfil cromatográfico do óleo da LASZLO:

1 α-thujeno 0.1
2 α-pineno 9.6
3 canfeno 1.6
4 sabineno 1.3
5 β-pineno 4.0
6 mirceno 0.7
7 p-cimeno 8.8
8 limoneno 13.6
9 1,8-cineol 32.4
10 γ-terpineno 0.3
11 linalool 5.0
12 canfora 12.3
13 terpinen-4-ol 3.9
14 α-terpineol 0.7
15 β-elemeno 0.6
16 β-cariofileno 0.5

Ravintsara (qt cineol) 10ml

R$ 70,10Preço
  • Laszlo

Atendimento
       11 99777-9666
       comercial@rosadeluz.com.br
Rua Diamante, 74  

Bairro Aclimação - SP
 

Pagamento Integrado 

Siga

  • YouTube Rosa de Luz
  • Instagram Rosa de Luz
  • Facebook Rosa de Luz